Uncategorized

10 pessoas de sucesso que não se deixaram afundar por falha — se Melhor com Saúde

Muitas vezes, o fracasso faz com que percamos a força para continuar. Não obstante, o certo é que as conquistas só se conseguem com perseverança.

Assim,se algo é de se ter claro, em todo momento, é que, para alcançar nossos objetivos, devemos esforçar-nos. Neste artigo vamos falar de 10 pessoas de sucesso que, embora, no princípio, sofreram com o fracasso, não se deixou afundar pelo desânimo.

Pessoas famosas que passaram do fracasso ao sucesso

1. Walt Disney

fracasso tornou sucesso

Mas só de ouvir seu nome nos vem à mente uma das produtoras mais bem sucedidos, o certo é que nem sempre foi assim.

Walt Disney trabalhou em um jornal do que foi demitido por “falta de imaginaçãoe de boas ideias”. Assim, em um primeiro momento, a palavra fracasso esteve muito presente em seus negócios.

Não foi até a estreia de seu primeiro filme, branca de Neve, que atingiu o sucesso. Desde então, sua carreira só podia ir para cima.

2. Albert Einstein

albert_einstein

Quem diria que um gênio como Einstein esteve em apuros para que se lhe reconheça o seu talento? Einstein lhe chegaram a considerar deficiente psíquico ou de pensamento lento, ao não se encaixar na sociedade da época e o modo de pensar de então.

Não, ele começou a falar até os 4 anos ou a ler até os 7. Todo mundo dava pelo fato de seu fracasso na vida adulta.

Leia também:  10 ingredientes substitutos para uma cozinha mais leve e Melhor com Saúde

Aquele menino tardio ganhou o Prêmio Nobel de Física graças à sua descoberta-chave:

  • A relatividade geral.
  • A relatividade especial.
  • A equivalência massa-energia.
  • O efeito fotoelétrico.
  • O movimento browniano.

3. Charles Darwin

Darwin

Darwin, não foi nada bem nos estudos. Iniciou a carreira de medicina, mas abandonou – a de teologia.

  • Graças a esta, um tempo depois, encontrou sua verdadeira vocação na natureza.
  • Anos mais tarde assentar as bases da teoria da evolução através da seleção natural.

4. Thomas Alva Edison

Edison

Para inventar a lâmpada teve que fazer mais de mil tentativas, tantos que os seus discípulos lhe perguntaram se não é desanimaba diante de tantos fracassos.

No entanto, ele considerou que, a cada tentativa sabia mais um motivo pelo qual uma lâmpada não funcionava.

Graças à sua paixão, e para que não se deixou afundar para o fracasso, temos uma grande quantidade de invenções e criações:

  • A lâmpada.
  • O microfone.
  • O fonógrafo.
  • O cinematógrafo.

5. Oprah Winfrey

Oprah_Thumbnail_3

A jornalista viveu uma infância difícil, marcada pela pobreza e dos abusos sexuais. De acordo com os seus chefes, quando trabalhava de repórter de televisão “não reunia as condições para estar na tela”, assim que foi demitido.

Não obstante, ela não deixou de perseverar, se recuperou e chegou a ser a mulher mais poderosa da televisão norte-americana.

6. Vincent Van Gogh

Van Gogh

Sua carreira artística em vida foi um desastre, tanto que o único quadro que vendeu e comprou um amigo. Chegou a passar fome para poder criar seus quadros. Suas obras não foram apreciadas até depois de sua morte. Foi então que se tornou uma referência, embora ele nunca o soube.

7. Stephen King

Stephen-King_King-of-Horror-Stories_HD_768x432-16x9

O escritor não estava nada contente com a sua primeira obra, Carrie. De fato, jogou-os diretamente no lixo. Se não chega a ser por sua mulher, que recuperou o manuscrito e conseguiu que fosse a luz, sua vida não teria sido a mesma.

Leia também:  10 exercícios e alguns alimentos para ter uma boa vista — se Melhor com Saúde

Seus livros já venderam já várias centenas de milhões de cópias e Carrie hoje em dia é uma obra de culto entre o gênero de terror.

8. J. K. Rowling

rowling_0

A autora de Harry Potter, nem sempre foi bem. No mundo do jornalismo falhou, foi mãe solteira e mantinha a sua filha e só com a ajuda da segurança social. E é que chegou a estar em ruínas, até que publicou sua primeira obra, em 1997. Agora conta com uma grande fortuna e é reconhecida a nível internacional.

9. Winston Churchill

Churchill

Churchill não foi um aluno brilhante, e chegou a suspender o sexto curso. Também não teve muito sucesso nos cargos públicos que ocupou.

No entanto, ao chegar aos 62 anos, tornou-se Primeiro-Ministro Britânico, cargo que poucos chegam a alcançar. E foi absolutamente determinante no curso da II Guerra Mundial.

10. Steven Spielberg

Spielberg

Spielberg nem sequer conseguiu entrar na Escola de Teatro, Cinema e Televisão da Universidade do Sul da Califórnia. O chegaram a recusar até três vezes, assim que se decidiu estudar em outro lugar.

A motivação não era muita, então, que o deixou para tentar ser diretor, mas também não tinha muitas esperanças. Hoje é um dos mais prestigiados e conhecidos do mundo.

Conclusão

Com estes exemplos, espero que você tenha claro que, embora os princípios sejam difíceis, com esforço e dedicação se pode obter tudo o que é proposto.

O sucesso é uma questão de equilíbrioO sucesso é uma questão de equilíbrio, Sem equilíbrio não pode haver sucesso, pois este é alcançada quando todas as áreas de nossa vida encontram-se em uma agradável harmonia. Ler mais “

Deixe uma resposta